Frases do livro: No meio do caminho tinha um amor - O mundo da Tutty

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Frases do livro: No meio do caminho tinha um amor


“ Ás vezes me pergunto aonde as nossas diferenças ainda vão nos levar. Mas tenho medo do “nunca mais” ou até mesmo de um “até logo”, de um tempo que possa não ser o suficiente para trazer você de volta.”

“ Sei que, dizendo isso, assim, á queima-roupa, parece que o amor se foi, que não estou bem ou que não quero mais. Mas é o contrário. Quero tudo. Quero muito. Mas não sei se consigo fazer você feliz do jeito que merece.”

“ Que não empresto as minhas asas quando você quer voar. Sinto que me transformei em um peso que impede você de alcançar as nuvens.”

“ Talvez o amor seja a loucura de não saber se você faz o outro feliz, mesmo quando essa é sua maior vontade.”

“ Ainda que existam outros sete bilhões de pessoas no mundo, escolhi estar aqui.”

“ Quero mais você. Quero mais a gente. Quero mais dias de felicidade.”

“ Eu te quero bem, te quero pra mim. Sem fim. Feito rima de poema chinfrim.”

“ Quero escrever que te amo, que não é engano, que não sou piano, mas toco até bolero de Ravel para ter você.”

“ Sabe, custou muito, mas aprendi que o amor não pede desculpa para duas pessoas ficarem juntas.”

“ O medo de que o presente não seja suficiente nos faz prometer coisas como estas, que nunca vamos nos deixar.”

“ Mas é uma lei da física que Newton talvez tenha preferido esconder: o amor acaba. Ou melhor, ele não só acaba. Ele leva consigo tudo aquilo que a gente jurou ter feito para suportar os tsunamis. Os furações. Os terremotos. Afinal, ninguém constrói uma casa esperando que ele venha ao chão. Ninguém escolhe estar com alguém pensando num prazo de validade. Num adeus sem até logo. Num sonoro, doloroso, mas necessário, “Segue seu rumo, vou seguir o meu.”

“ Saio dessa relação com a consciência tranquila de que fiz o que pude. Dei o meu melhor. O resto são as histórias que a gente vai contar por ai. Ou fingir esquecer.”

“ Não adianta ficar tentando coisas novas porque ainda somos os mesmos. Já decorei a lista de promessas que fizemos um ao outro, em vão. Estão todas guardadas na gaveta, varridas para debaixo do tapete imaginário que esconde as marcas deixadas nos dias.”

“ Vamos guardar na memória as partes que sorrimos.”

“Já ouviu falar de dejá-foi? É quando a gente simplesmente enche o saco. Dá no pé. Entende que finalmente chegou ao fim.”

“ Ainda bem que existem diversos livros inéditos esperando para serem lidos. Não vamos persistir mais nesse.”

“ A verdade é que quando alguma coisa desanda, quando sai dos trilhos, não dá certo, a primeira coisa que a gente para pra pensar é: onde foi que eu errei?”

“ Algumas coisas são mais sensíveis que cristal, se é que isso é possível. Quando quebram, se espatifam em um bilhão de micropartículas.”

“ Diante desse nosso final inegável, quero dizer que tentei de tudo. Fiz de tudo que estava ao meu alcance. Ou melhor, fui além. Já nem lembro mais em que momento da nossa história deixei de ter um limite. Uma barreira. Uma demarcação que dissesse que dali em diante não iria mais, não daria nem mais um passo.”

“ Agora vá é, por tudo o que a gente viveu, não olhe para trás. Siga seu rumo, siga sua sombra, siga em frente. Mas sem mim. Sem a escolta da nossa amizade, sem o porto seguro para onde você corria sempre que o chão ameaçava ruir.”

“ Me tornei aquele tipo de gente que a gente odiava, lembra? Aquele tipo sem memória, que esquece de ligar no dia seguinte, que não manda mensagem de texto, que não curte uma foto, que não responde recado, que manda indireta, que está sempre ocupado. Me tornei tudo aquilo que eu mais odiava porque, assim como eu, você também se tornou tudo aquilo que eu menos esperava.”

“ É que a gente cansa, entende? A gente enche o saco de ficar correndo atrás de quem não faz a menos questão da nossa presença.”

“ Eu estou indo embora. Indo embora de uma história que teria tudo pra ser bela se os atores fossem menos egoístas e os nossos corações, menos necessitados.”

“ Pelo menos, é isso o que todo mundo anda me dizendo. Que você não me merecia. Que você vai sofrer mais que eu.”

“ Acho que a gente deixou de andar para a frente quando percebi que estar com você era como andar de costas.”

“ Escrevi até onde deu a minha parte na sua história.”

“ Acredito que seja impossível perdoar uma traição, porque só a palavra já pesa mais do que posso suportar. As ações me envenenam.”

“ O nosso amor foi tão doce que talvez você tenha enjoado a ponto de procurar outro sabor mais salgado.”

“ Não deu. Já não dá. Só quero agora que você siga adiante. Toque seu barco. Para sumir da minha estrada. Procure outras formas de diversão que não incluam usar meu coração como passatempo.”

“ A traição é, para mim, o pior dos atos. A gente doa carinho, atenção, empresta amor e recebe um cuspe no meio da cara. É essa a sensação que eu tive. Você escarrou nos meus sentimentos. Mas eu vou limpar, não tem problema.”

“ Porque desculpas, amigo, só deixam em paz quem feriu. Nenhuma ferida cicatriza sem deixar sequer uma marca, por menor que seja, depois de uma palavra de arrependimento. Diminui o peso, muda as coisas de lugar, mas não apaga nada. A verdade é essa.”

“ Engana-se quem pensa que felicidade é lugar a se chegar. Felicidade é o caminho. Quero apenas seguir o meu.”

“ Ao contrário do Cazuza, mentiras, ainda que sinceras, não me interessam nem um pouco. Preciso adiantar. Gosto de tudo ás claras. Transparente, se for possível. Gosto de jogar com as cartas na mesa, sem trunfos, blefes ou seduções baratas na manga.”

“ As duas maiores provas de amor que você pode oferecer a alguém são o carinho e o cuidado. Porque dizer que ama, meu amigo, é muito fácil. “ Eu te amo” são três palavras indolores que, na encenação de vários atores, soam como as verdades de Shakespeare.”

“ Te amei como eu nem sabia que era capaz. Me entreguei como nunca havia pensado em fazer antes. Para ser sincero, sempre condenei quem se jogava de cabeça num relacionamento. Quem perdia o chão, o rumo, por alguém. Quem resumia a vida ao namoro. Àquele momento. E quebrei a cara. Só para variar.”

“ Num mundo de estátuas de sal em que vivemos, ainda queremos um único alguém para cuidar. Para amar. Somos únicos.”

“ Eu mostrei para alguém o que é ser gostado no real sentido da palavra.”

“ Difícil ter paciência quando a sua cabeça não consegue ser nada além de um trem desenfreado. A ansiedade é a pior das pragas. Aprendi isso na prática.”

“ Custou muito aprender que eu também tenho vontade. Eu também posso não querer. Eu também posso não sentir, não estar a fim, não estar disponível, não estar com vontade. Eu também posso, sei lá, não gostar de volta.”

“ Uma das coisas mais importantes que aprendi com a vida foi a ter vontade própria para não querer as coisas. E o melhor de tudo: isso não é ridículo. É, pelo contrário, uma das lições mais vitais que alguém pode ensinar. E se a gente está aqui é para aprender, não é mesmo?”

“ Guardamos tudo em segredo, mas postamos fotos com lindas paisagens, ângulos nunca antes vistos e frases de superação bonitas. Tudo porque somos obrigados a dizer as verdades nas entrelinhas.”

“ Precisamos merecer para ter. Precisamos suar a camisa como marca do esforço em prol daquilo com que tanto sonhamos.”

“ Por isso dizem tanto que nada vem de graça. Realmente, nunca vem. E ás vezes é mais difícil porque a única coisa que nós fazemos é esperar que dê certo. Esperar cair do céu. Acontecer.”

“ Meu amigo, a tarefa de fazer dar certo é sua. Ninguém além de você mesmo, precisa arregaçar as mangas e partir para luta. Para a batalha. Para a busca incansável por seus objetivos. A obrigação de fazê-lo feliz é sua. Não transfira essa responsabilidade para mais ninguém.”

“ Hoje percebi que estar sozinho não é uma necessidade, mas uma opção, uma escolha. Não quero alguém do meu lado para servir de ostentação. Prefiro ir ao cinema desacompanhado a ter ao meu lado alguém que nem seqUer rir das piadas do filme. Ou não se assusta em uma cena de suspense. Não gosta de Friends, Grey’s Anatomy ou, sei lá CSI.”

“ Decidi uma coisa: ou a pessoa me acelera o coração, ou acelera o passo. Passa fora. Dá no pé. Rala peito. Porque, se não for para ser assim, prefiro que nem seja. Ilusão por ilusão, prefiro as de ficção. Chega de amores platônicos. Chega de encontros vãos. Eu mereço alguém de verdade, ainda que demore. Não tenho mais pressa. Só peço que valha a pena a espera. De resto, tudo bem.”

“ Preciso crescer, é isso. Um crescer tão maduro que não dependa mais de uma metade da laranja ou que pelo menos não precise mais procurar em pomar nenhum essas coisas que a gente encontra nas prateleiras dos supermercados de bandeja. Aqui, onde o faz de conta não tem vez, os vilões são muito mais perigosos, os mocinhos muito menos interessantes e mais cafajestes, as princesas dormem de touca e usam enchimento e, nos bailes reais, o máximo que a gente consegue encontrar são comandas caras, copos cheios e pessoas, ah, pessoas cada vez mais sozinhas.”

“ Jurei pra Deus e pra mim mesmo que tentaria, a qualquer custo, ser feliz. E tenho certeza de que ainda estou tentando. Pelo menos percebo isso sempre que um novo sonho me surge nas horas largas do dia. Sei que o caminho é grande, mas acho que é por isso que ainda estou vivo. Pra me sentir vivo. Pra viver. Pra tentar. De novo e mais uma vez, se ainda for preciso.”

“ Mas você não é “ qualquer alguém”. É um sentimento platônico que eu quis cultivar. Que eu quis ver florescer sem sequer perceber. Sem notar que aquilo crescia em mim com uma força absurda. Que seguia na contramão das chances de ter seus beijos, suas mãos nas minhas, seus olhos fechados encostando em minha pele.”

“ Sabe, amigo, eu achava que sorrir era só uma reação momentânea, coisa de quem ouviu uma piada engraçada que cinco minutos depois deixa de fazer o menor sentido. Mas quando se está apaixonado, topada na quina da mesa é motivo pra gargalhada. Ou pelo menos, é assim que eu finalmente me sinto.

“ Desconfio que amar não seja lembrar o tempo todo. Amar é lembra no momento oportuno. Não é ligar quando ficou preso no trânsito, no barco ou na vida. É ligar quando a vontade pedir. Não é encontrar porque é comodo, é encontrar porque a saudade é incômoda.”

“ Amar é ter tudo, todos, mas sentir falta daquela pessoa. A gente sempre pode conquistar o mundo. A gente pode ganhar rios de dinheiro. A gente pode conhecer lugares novos, pessoas novas, beijos novos, toques novos, caricia novas. A gente pode tanta coisa nesta vida. A gente pode voar, a gente tem o céu com tantas estrelas ainda não vistas. A gente pode tudo, mas sente falta daquela pessoa.”

“ E que sorte a minha ter encontrado você.”

“ Eu te amo” já é pequeno demais perto do que sinto por você”

“ É tão fácil me achar em você.”

“ Carreguei comigo, a vida toda, a teoria de que quando os casais são, de fato, almas gêmeas, a gente consegue olhar para um e enxergar o outro. Fisicamente, talvez, mas principalmente pelo brilho da alma. E eu me vejo em você. E sinto você também como um reflexo meu.”

“ Me sinto em casa nos seus braços. É como se eu tivesse esperado a vida toda pra morar neles. Como se o mundo, literalmente parasse de girar. E só existissem os nossos corpos. Aquele momento.”

“ Agradeço a Deus, todos os dias, de joelhos, pela nossa união. Peço a ele que me deixe ser capaz de fazer você feliz. Imploro que nenhuma inveja, mau-olhado ou agouro seja forte o suficiente para sequer tentar nos afastar.”

“ Sua voz me diz sempre que sou um oceano. Mas respondo, assim, baixinho, como quem fala ao seu ouvido, que vamos mergulhar juntos, sempre e cada vez mais, em buscar da nossa felicidade nesse infinito mar de amor.”

“ Ainda temos muitas águas para desbravar, mas se me der o prazer da sua companhia, ficará muito mais fácil remar.”

“ Ás vezes a gente caminha na vida buscando um abraço quentinho para terminar a noite depois de um dia inteiro que parecia não ter fim. A gente só quer alguém pra morar junto, agarrar, se esconder feito ninho. Dormir em concha, em paz. Alguém que venha e transforme a nossa agitação em calmaria. Alguém que coloque a insônia para dormir contando carneirinhos. Que alise nosso cabelo e assista a nossa respiração.”

“ Eu sempre quis um amor como você. Que veio pra ficar que me dá vontade de ficar. Que transforma minha agitação em calmaria. Que coloca minha insônia para dormir cantando. Que alisa meus cabelos e assiste a minha respiração. Que acalma meu coração.”

“ De todas as coisas mais gostosas que a vida já me proporcionou, você foi a melhor das provas de que eu estive errado durante muito, muito tempo.”

“ Você surgiu para mim quando eu já havia lavado as mãos, entregado os pontos, deixado toda essa ideia de paixão pra lá.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário